Coisas só dele #14

By J* - 18:01:00

Todos os dias à hora do almoço eu e o namorado comemos em casa da minha mãe. E é lá que tenho os meus quatro cães.
A casa da minha mãe tem imenso espaço para eles brincarem, correrem etc, mas se há coisa que eles adoram é ir à rua. Aliás isto deve ser comum a imensos animais!
Então a casa da minha mãe é a ultima da rua, está numa reta, basicamente só temos mato à volta e tem pouquíssimo movimento de carros. É uma rua utilizada pelos moradores, e às vezes como atalho mas por poucas pessoas por ser bastante estreita, com imensa dificuldade em passar 2 carros.
Ora o meu namorado desde que veio morar comigo que criou o hábito de levar os quatro cães à rua ao final do almoço. É uma saída que às vezes nem demora 5 minutos mas eles adoram!
Ora os meus cães são labradores, todos eles a pesar mais de 44kg por isso uma pessoa sozinha levar os quatro fica impossível. Como eles não saem da nossa porta leva-os soltos. 
E aqui é que hoje a coisa correu mal. Ou melhor ia correndo!


Uma senhora com alguma pressa, resolveu incomodar-se por os meus quatro cães estarem na estrada e apitou! O meu namorado assim que percebeu que eles estavam a impedir a passagem mandou-os logo para dentro de casa (para que percebam é só mesmo atravessar a estrada estreita). Levantou a mão e riu-se em jeito de "desculpe lá que isto é malta gordinha e anda a passo de caracol". 
Pois, mas a senhora não estava para brincadeiras e achou que o facto do meu namorado se estar a rir era um desrespeito para com ela. Informou-o que os cães não podem andar na rua sem trela, e que não podiam impedir a passagem assim.
Confirma-se! Ela tem toda a razão, por isso mesmo o meu namorado mandou-os logo para casa.

Mas a senhora, ainda que com bastante pressa segundo ela, não achou que estava tudo dito e continuou a a debitar montes de frases de que estava na legislação, e não podia ser assim, e que ela estava com pressa e teve de esperar... O meu namorado já fartinho daquele circo todo à porta de casa mandou-a seguir viagem que os cães já estavam dentro de casa.
Ela não gostou. Saiu do carro e resolveu tocar  à campainha. A primeira a aparecer cá fora fui eu (até porque eu ouvi tudo enquanto subia até à estrada). Pediu para falar com o meu pai. Informei-a que não estava. Resolveu perguntar pela minha mãe, que por sinal também já tinha ido atrás de mim. 
Então a senhora fez queixa à minha mãe, dos cães andarem na rua sem trela. Fez queixa à minha mãe do meu namorado porque, segundo ela, a insultou. E disse que podia denunciar a situação, até porque ela estava atrasada e não tinha de estar a perder tempo por causa dos meus cães.
A minha mãe muito calma respondeu "Peço imensa desculpa, e agora pode seguir viagem para não se atrasar mais".

Parece-me que a senhora não era bem isso que queria ouvir e como tal sai-se com esta "E vou fazer queixa ao seu marido que ele conhece-me bem!"
Ora aqui a minha mãe torceu já o bico. Virou costas, fechou o portão e a senhora foi à vida dela. Se ela pretendia fazer uma reclamação aos donos dos cães a mesma podia-se considerar concretizada porque a fez à minha mãe. Se pretendia fazer queixa à polícia então não era ali o sítio indicado. Mas então porque é que se lembrou de proferir esta última frase em jeito de ameaça? O que é que o meu pai é a mais que a minha mãe naquela situação?!
Nada! São os dois donos dos cães (que por acaso até nem são que estão registados em meu nome e do meu irmão) por isso ambos respondem com a mesma responsabilidade a este género de situações.
A senhora que já estava chateada com os cães e com o meu namorado, e ficou ainda mais chateada por a minha mãe não levar avante aquela conversa de doidos, então achou que chamar o marido ao assunto seria o mais assustador possível!

Enfim, serviu para nos incomodar, se bem que eu continuo a dizer que a senhora tinha razão. Já há muito tempo que alerto o meu namorado que sair para a rua com quatro cães, por muito que seja sempre à beira da porta, pode trazer algum problema. Hoje foi o dia! Ainda que com razão, a atitude da senhora é reprovável! Foi exagerada, despropositada e bastante desagradável. 
No meio disto tudo quem ficou prejudicado foram os meus cães que agora ir à rua só de trela, não venha a senhora novamente de código penal na mão a informar qual a pena a aplicar a quem tem os cães na rua sem trela!!!

Agora imaginem se em vez de cães fossem ovelhas!!!!
 

  • Share:

You Might Also Like

6 comentários

  1. Bem, a senhora afinal não estava assim com tanta pressa senão não teria tido tempo de reclamar tanto! As pessoas ficam incomodas por tudo e por nada, sinceramente...
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  2. Pelos vistos a senhora não tinha assim tanta pressa, com tanta reclamação! Enfim...

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Credo que exagero de reação dessa senhora...mas chegaram a perceber se a mulher conhece o teu pai? XD

    Blog ChocoPink / Instagram / Facebook

    ResponderEliminar
  4. Olá! Nomeei-te para uma tag ;)
    https://the-choice-26.blogspot.com/2018/06/tag-sunshine-blogger-award.html

    ResponderEliminar
  5. 4 labradores??? Conquistaste-me! De que cor são?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dois pretos, um bege e um castanho chocolate!!!

      Eliminar