Um mau feitio natalício.

By J* - 12:30:00

A árvore de Natal está feita. A decoração da rua do escritório está feita (gira, gira, gira!). Tenho zero presentes comprados. E acho que já estou a entrar na decadência típica desta altura.
Talvez por influência da minha mãe que não suporta o Natal, chega a esta altura do ano e sinto que fico muito mais dramática. É engraçado a música natalícia na rua, tudo decorado, luz e prendas por todo o lado. Fazer lista de presentes e escolher outros tantos para oferecer. Mas tudo isto acaba por ser a parte mais "material" do Natal. É engraçado ver as crianças com a euforia do pai Natal e dos seus duendes. Mas quando nos referimos ao sentimento então acho que fica tudo tão triste. Chega a esta altura, ao final do ano e faço um balanço do ano que fica para trás. E aqui é que começa a parte do dramatismo.
É aqui que noto que os objetivos a que me propus no início do ano não foram cumpridos, e alguns deles não se avizinha serem de resolução assim tão rápida.
Começo a ficar mais negativa, mais pessimista, e depois não consigo olhar para a época (daqui até à passagem de ano) de uma forma bonita.
Ando muito mais implicativa. Muito mais nervosa. Não tenho paciência sequer para pensar no que vou oferecer e quanto mais ter de me enfiar em algum lado para comprar.
Como podem perceber, zero entusiasmo.

E começo a notar um padrão. Todos os anos isto me acontece. Todos os anos a minha cabeça começa a rebobinar e ver o que se passou em cada ano e fico sempre com a sensação de estar descontente. Tenho saúde, os meus também tem, e isso deveria ser o mais importante. Mas fica sempre aqui qualquer coisa que não me deixa aproveitar a época a 100%. Não pretendo de todo alcançar a perfeição (até porque isso não existe), e não é de todo meu feitio impor a mim mesma condições para atingir a felicidade. O dia a dia, as pessoas, as ações e algumas conquistas vão fazendo de mim aquilo que sou, e não posso dizer que não sou feliz. A não concretização de alguns desses objetivos propostos não faz de mim menos feliz, mas deixa-me com sensação de fracasso. Com a sensação de que estou a falhar comigo própria.

Não sei que se passa, mas espero sinceramente que com a entrada do novo ano ganhe entusiasmo para pelo menos lutar por aquilo que pretendo. Se o conseguir óptimo. Senão, ainda tenho muito para tentar. 
Mas este mau feitio... Este mau feitio é bom que passe rápido. Porque até eu estou a ficar farta de mim assim!!!

  • Share:

You Might Also Like

2 comentários

  1. Sou completamente o oposto. Comecei a comprar logo as prendas em Outubro, para chegar a esta fase do ano da loucura e poder estar descansada. Adoro o Natal, porque significa que vou estar com a minha família toda.
    DE certeza que em 2018 vais estar mais alegre.
    Um beijinho grande*
    Vinte e Muitos

    ResponderEliminar
  2. Compreendo-te... Acho que anda tudo stressado e apressado e esquecemo-nos de parar e observar a dita magia desta época.
    Tenta deixar as resoluções para outra altura. Eu costumo pensar nisso quando faço anos. ;)

    ResponderEliminar