01 julho, 2017

Dia de m*rda.

Mas que dia de inferno eu tive hoje!
Se tivesse escrito aqui no blogue a meio da tarde, tudo o que sairia era um monte de palavrões. Mas assim daqueles feios,muito feios! 
O que não saiu aqui no blogue saiu boca fora sem qualquer filtro durante a manhã e a tarde do dia de hoje.
É que nem por ser o aniversário do namorado. Não houve hipótese. Hoje foi dos dias mais complicados que tive no meu trabalho.
Vários prazos a terminar no dia de hoje, muitos erros a surgirem nas últimas horas, muitos emails sem resposta nas devidas horas, muitas chamadas para ajudarem na resolução de problemas, deram trabalho até às 23horas.
A falta de cooperação, a falta de paciência, a falta de noção foram uma mistura explosiva. Tenho um nó no estômago, e sinto-me tremendamente cansada mas sem qualquer vontade de dormir. 
Possa isto mexe connosco! Mesmo que não se queira. Mesmo que se queira aproveitar o resto do dia, que por sinal é o aniversário dele, e merecia a minha presença a 100%. Mas nem sequer no jantar a teve.

Que dia de m*rda!

1 comentário: